Frases extraídas de boletins de ocorrência e relatórios da Polícia da França:

"Pudemos constatar que nada consta."

"Suas explicações estavam tão confusas que tivemos que soltá-lo por falta de provas que nos fizessem entender suas explicações."

"O indivíduo, que era tão surdo quanto sua esposa, parecia não se entender muito bem com ela."

"O elemento, negando toda culpa, foi preso. O suspeito então decidiu fazer uma confissão completa para nos provar que ele não tinha nada a ver neste caso."

"O homem declarou que efetivamente bateu seu adversário com a manivela mas tomando todo o cuidado de não machucá-lo."

"O elemento tentou esconder a arma na sua bota, mas por infelicidade dele, tratava-se de uma espingarda cujo tamanho ultrapassava."

"O buraco da bala era tão grande que pudemos enfiar dois dedos."

"O indivíduo insistiu em nos apresentar seu prejuízo, que de fato não media mais do que dez centímetros."

"Se a chamada não teve resposta, é que ela foi feita na sexta-feira de manhã, quando o investigador de plantão tinha acabado de deitar-se como faz todos os dias à mesma hora."

"Preso pelos policiais, o ladrão os ameaçou de chamar a polícia."

"É de se observar que os dois veículos colidiram um com o outro exatamente no mesmo dia."

"Apesar do teor alcoólico de 3,8, o motorista havia mantido toda sua lucidez ao atropelar o animal."

"O cadáver não parecia de posse de todas suas faculdades."

"Um violento golpe de martelo o havia mantido pregado na cama por dois dias."

"O enforcado morreu por afogamento."

"Como ele devia ser internado o mais rapidamente possível num asilo de loucos, ele foi levado à delegacia.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

SEU COMENTÁRIO É SEMPRE BEM VINDO DESDE QUE:
.Não tenha fins ofensivos
.Não contenha palavras de baixo calão
.Comentarios seguidos de links serão considerados SPAM!

OS COMENTARIOS SÃO PESSOAIS E NÃO INFLUENCIAM NA OPINIÃO DO BLOG!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...